terça-feira, 23 de setembro de 2008

Cliente compra celular, e acha fotos pornôs de funcionários de loja

Aparelho de última geração continha 49 imagens 'impróprias'.
'Fiquei revoltada', diz estudante que comprou aparelho.

Uma moradora de Cairns, na Austrália, teve uma surpresa desagradável ao ligar seu telefone celular de última geração pela primeira vez. Ela descobriu que o aparelho já havia sido usado para fotografar uma sessão de sexo entre dois funcionários da loja onde o aparelho foi comprado.

"Fiquei revoltada, é nojento imaginar o que eles fizeram com esse aparelho", afirmou a estudante ao jornal australiano "The Cairns Post". "O que teria acontecido se esse aparelho tivesse sido vendido para uma criança, disse a jovem, que não teve sua identidade revelada.

Ela tentou ainda vender o aparelho - com as fotos inclusas - pela internet, mas o site eBay não permitiu o anúncio por causa do conteúdo pornográfico. De acordo com a estudante, o aparelho tinha 49 fotografias gravadas, a maioria de uma funcionária do sexo feminino. Havia também uma foto de um funcionário do sexo masculino, nu.

Um porta-voz da rede de lojas Dick Smith Electronics afirmou que a empresa está investigando o incidente, e os funcionários serão punidos. A loja ofereceu também o reembolso do valor pago pelo aparelho telefônico, e está debatendo com a cliente o pagamento de uma indenização.

(G1)

Um comentário:

naturline disse...

Habra que tomar ejemplo del funcionario ;)