sábado, 29 de novembro de 2008

Em cinco anos Internet falará com internauta, prevê IBM


Com as inovações mouse e teclado tendem a serem substituídos por comando de voz

Rio - Se tudo depender da multinacional IBM, em cinco anos a internet sofrerá uma revolução digital. A lista anual com os cinco tópicos, batizada de Next Five in Five, prevê as cinco maiores inovações tecnológicas para os próximos cinco anos. Entre elas, a abolição do mouse e do teclado com a chegada do comando de voz.

Uma pesquisa em sites de buscas, por exemplo, poderá ser feita sem digitar uma palavra sequer. Responder a e-mails e enviar mesagens instantâneas também tendem a sofrer essas mudanças. O público alvo são as pessoas com deficiências físicas motoras. A IBM pretentede, com a web falada, facilitar a vida desse público.

O segundo ítem da lista trata-se de captação de energia solar. A idéia é adequar a placa em qualquer superfície, como as janelas de uma residência, por exemplo. A novidade é transparente e pode ainda receber cores.

Na lista da empresa consta também uma espécie de mapa genético. Uma bola de cristal poderia revelar quais os riscos de doenças genéticas e hereditárias de uma pessoa, fazendo isso com base no DNA da pessoa.

Para os mais esquecidos, a IBM promete uma solução. Uma tecnologia nova será responsável por lembretes automáticos. Um sistema inteligente que enviará aos usuários mensagens lembrando a eles os compromissos firmados durante o dia. A novidade seria baseada em um mecanismo que analisa as conversas dos usuários durante todo o dia.

O último tópico da lista Next Five in Five virá em auxílio aos que têm dúvidas na hora de dar presentes. Um assistente de compras ajudaria o cliente a escolher presentes com combinações de cores e modelos.

"O Next Five in Five é baseado no mercado e nas tendências sociais que, estima-se, já estejam em curso para transformar nossas vidas, bem como em tecnologias emergentes dos laboratórios da IBM ao redor do mundo; (esses três fatores) podem tornar essas inovações possíveis", afirma a empresa em seu site oficial.
Veja o vídeo da multinacional
(terra)

Nenhum comentário: