segunda-feira, 20 de outubro de 2008

População de robôs deve triplicar até 2011



Na mais recente edição da publicação World Robotics, que reúne as tendências para a robótica no mundo, especialistas da Federação Internacional de Robótica (IFR) afirmaram acreditar que em três anos a população mundial de robôs triplicará.

O site The Guardian informou que em 2007 a população mundial destas máquinas foi de 6,5 milhões. Destes, 1 milhão eram robôs industriais e 5,5 milhões eram robôs de serviço, categoria que engloba dispositivos militares e brinquedos.

A população atual de robôs é maior que a de humanos em alguns países como a Papua Nova Guiné, com menos de 6 milhões de habitantes, ilustrou o blog Automaton.

Até 2011, o número de robôs deve crescer para 18,2 milhões, um crescimento pequeno no campo industrial (que subirá apenas 200 mil), mas enorme no campo de serviços, com 17 milhões de máquinas no total.

O World Robotics oferece estatísticas interessantes, informando que no ano passado 114.365 robôs industriais foram instalados mundialmente, número 3% maior que no ano anterior, e que para 2008 a tendência de crescimento é de 4%.

Os novos robôs valem US$ 6 bilhões, somados ao custo de software, periféricos e engenharia de sistemas. O custo total da robótica mundial sobe para US$ 18 bilhões.

Na Europa, a adoção de robôs industriais cresceu em 15%, com 34.900 unidades, mas nas Américas as vendas deste tipo de máquinas foram somente 9% maiores que em 2006, com 19.600 mil unidades. Na Ásia a adoção de robôs em 2007 foi de 59.300 máquinas, número maior que em qualquer parte do mundo.

Em 2007, 12 mil robôs de serviço profissional foram vendidos mundialmente. Destes, 25% foram para o campo de defesa, resgate e segurança e 20% foram aplicados no campo - por exemplo, para ordenha automática. Outros robôs foram vendidos para limpeza (12%) e sistemas subaquáticos (12%).

No campo de serviço pessoal, as vendas de robô em 2007 atingiram 5,4 milhões de unidades, sendo destes 2 milhões dedicados ao campo do entretenimento. Das 3,4 milhões de máquinas restantes, compradas para fins domésticos, a maior parte foi de aspiradores de pó inteligentes (3,3 milhões de unidades) e cortadores de grama (110 mil), neste caso um total de US$ 1,3 bilhão.

O World Robotics pode ser obtido em diversos formatos pelo site worldrobotics.org, por valores entre 400 euros e mil euros.

(Magnet)

Nenhum comentário: